quarta-feira, 27 de novembro de 2013

Encontro da Palavra: John Noble

Sínteses das palavras ministradas por John Noble em São Gonçalo, tendo como intérprete Harold Walker, na Comunidade do Rei, nas reuniões de domingo, dia 24/11/13:



MANHÃ

Deus irá abalar tudo o que é abalável, para que fique só o que é Dele.

Patrick Dixon, do livro Futurewise:
F = fast – Tudo está muito rápido, acelerado. O E.S. também está agindo rápido.
U = urban – As cidades estão crescendo muito, algumas partes prosperam, outras se deterioram.
T = tribal – Pessoas precisam de uma identidade, precisam sentir que pertencem a algo. As pessoas estão julgando segundo suas tribos (étnicas, subculturas, etc.).
U = universal – O mundo se tornou pequeno, as coisas se espalham rapidamente e atingem todo o mundo. Novas músicas se espalham globalmente. A internet hoje é como as antigas estradas romanas que vão pelo mundo afora.
R = radical – Há um movimento radical entre as pessoas no mundo. Individualmente, as pessoas podem fazer mudanças radicais no mundo. Podemos ir pelo mundo com uma mensagem radical de Jesus.
E = ethics – Algumas tendências, experiências científicas estão sendo desenvolvidas, e estas ferem questões éticas. O mundo clama por um padrão, uma referência. 
Não podemos continuar apenas como estamos, um grupo pequeno e alegre, que ama uns aos outros. Deus quer nos enviar. Quando os discípulos foram cheios, eles foram enviados para Jerusalém e uma nova igreja nasceu. Houve um abalo.

O TIPO DE LIDERANÇA QUE PRECISAMOS
Para abrir caminhos para que Deus possa fazer o que Ele quer.

Movimento Nova Era – estamos saindo da era de peixes para a era de aquário (entendimento). A humanidade já está madura, já pode andar por si mesma. Os velhos sistemas estão decadentes, até mesmo a religião. O sistema patriarcal está caindo. A Nova Era proclama: vou fazer tudo por mim mesmo, não dependo de ninguém.

Sol = Jesus. Todos os dias se levanta, lembra-nos o Sol da Justiça. Ao meio-dia está pleno. E depois se põe em sangue. = isso é uma figura de Jesus. Ele virá outra vez.

Lua = igreja. Não tem luz própria. Depende do Sol para refletir luz. Um dia a lua se tornará em sangue também. A igreja estará tão cheia de Jesus que irá se entregar totalmente por Ele.

Deus quer manter a ordem das coisas: maridos que amam suas mulheres, mulheres que se submetem aos maridos, filhos que honram os pais, pais que cuidam dos filhos, trabalhadores que se submetem aos patrões, etc. = isso produzirá uma igreja segura, com uma liderança segura.

Vamos pegar uma doença da igreja e curá-la com o spray do amor de Deus.

Pessoas com dons podem nos ajudar a atingirmos nossos alvos.

Quando a primeira igreja nasceu, era uma equipe apostólica. Jesus lhes deu uma revelação poderosa, que iniciou uma igreja local. Esse ministério apostólico estava trabalhando segundo os cinco ministérios. Esses cinco (como uma mão) existem para alimentar o Corpo, cuidar do Corpo, equipar o Corpo. Assim a Igreja poderá proclamar contra a injustiça, nas grandes e nas pequenas coisas.

A Igreja precisa cuidar uns dos outros, pastorear a si mesma e pastorear a comunidade, a cidade.
Depois de alguns anos, alguns administradores se levantaram na Igreja, não eram cheios do E.S. Deixaram os cinco ministérios de lado. Séculos depois, a Bíblia foi traduzida em uma língua que ninguém podia entender. Foi um tempo de escuridão. Os religiosos podiam manipular as pessoas.
Mas a Bíblia foi traduzida e divulgada após Lutero. O ministério de ensino retornou. Os missionários saíram pelo mundo levando a Palavra. E depois o E.S. desceu novamente sobre os crentes e teve partida o movimento pentecostal.

Hoje Deus está levantado pessoas humildes, dispostas a se santificar, para preparar a Igreja, segundo os cinco ministérios. Verdadeiros apóstolos são ministério de reconciliação.

A glória de Jesus = Ele era cheio de graça e de verdade. Duas coisas diferentes que podem ser unidas.
Às vezes os profetas não se dão bem com os pastores. Mas o movimento apostólico age para reconciliar.

O TIPO DA IGREJA
A água não muda, mesmo que o formato da vasilha seja diferente.

Na China, os pastores foram presos. As mulheres tiveram de liderar. Tiraram as pessoas dos prédios, formaram grupos caseiros, levaram as igrejas para as grutas e cavernas. A Igreja floresceu de tal forma que 10% da população é cristã. Ainda que tenha mudado o formato, permaneceu a mesma.

Mat 16.16-18 – Jesus pergunta: o que dizem os homens que eu sou? Um homem entendeu quem Jesus era: Pedro. Ele teve a revelação de quem Jesus era.

Você tem uma revelação de quem Jesus é? É sobre isso que será edificada a Igreja.

A Igreja é edificada por Jesus. Isso é um alívio para a liderança. O serviço é Dele, não nosso.

As portas do inferno não se movem sobre a Igreja – portões não se movem! Nós, a Igreja, é que avançamos contra elas. Cristo tem a chave dos céus, as chaves do inferno. Ele tem autoridade, e nos partilha essa autoridade.

A igreja é construída sobre homens e mulheres – Tu és Pedro (você é uma pedra).

Deus constrói a Sua Igreja para durar, sob a autoridade de Jesus.

Mat 18 – a Igreja precisa de disciplina. Se há questões entre os irmãos, estas precisam ser enfrentadas, tratadas. A disciplina mantem a santidade. E a santidade traz unidade. Unidade traz sucesso. Onde há mais amor, a glória de Deus pode vir sobre nós!

Sucesso traz visibilidade. Tornamo-nos a comunidade de Jesus. As pessoas podem ver como amamos uns aos outros, e como amamos o mundo. Então as pessoas poderão ver a obra de Jesus e virão a Ele.
Vamos tocar em Deus, adquirir Nele uma nova visão, para tocarmos essa geração.



NOITE

Alguns frutos da rede de igrejas na Inglaterra:

  • Marcha para Jesus – realizada em muitos países
  • Delirious – banda de música
  • Oração 24/7 – movimento de oração
  • Fusion – movimento estudantil no Reino Unido, que está se espalhando pelo mundo
  • Cooperação com os metodistas, para reerguimento da obra em templos antigos

Quando se libera as pessoas, e trabalha junto com elas, e cuida delas, então é possível mudar o mundo. Esta é uma comunidade que pode liberar criatividade, visão, para mudar o mundo. Precisamos sonhar. O que Deus quer que façamos? Alguns serão negócios, não para si mesmos, para a obra de Deus. Haverá missionários que irão para campos longínquos, ou enfermeiros, empresários... Precisamos nos unir, confiarmos em Deus juntos.

Pintores, artistas, dançarinos, músicos... a Igreja deve ser colorida, cooperando com os ministérios.
A igreja precisa de um relacionamento com Jesus – isso é vertical.

Nos relacionamentos uns com os outros e rompemos diferenças – isso é horizontal.

Novos céus e nova terra vão chegar, o Reino é o objetivo. Alguns são arrogantes, dizendo: eu sou o Reino. Mas isso não é correto. A Igreja nem sempre está correta em seus posicionamentos. Mas o Reino está sempre lá, constante. Quando mais ele vier à terra, mais as pessoas reconhecerão Jesus.

A igreja é um organismo, não uma organização. Ela precisa de estrutura, mas isso deve servir à Igreja. O prédio é parte da estrutura, e por enquanto serve para o que precisamos no momento. Mas daqui a dez anos, o prédio poderá atrapalhar o que Deus estiver fazendo.

FORMAS DA IGREJA
Qual é o tamanho mínimo para ser igreja? Dois ou três – Jesus está no meio deles.

Ecclesia significa reunidos por Deus para um propósito. Alguns estão juntos porque gostam uns dos outros, ou têm os mesmos interesses e passatempos. Mas isso não é ser Igreja. Há uma tarefa a executar, e aí Jesus está no meio dessas pessoas.

Dois ou três – parece um versículo depressivo. A reunião tem poucas pessoas, e então o líder diz: não importa, temos aqui dois ou três. Mas a Bíblia, quando diz isso, indica uma oficina de poder em uma microigreja de dois ou três reunidos em nome de Jesus.

Mini-igreja = A igreja no lar, com família e amigos, para ter comunhão e relacionamento com Deus juntos, ou grupos de solteiros, ou de jovens casados, são expressões da igreja.

Multi-igreja = uma reunião maior, com várias igrejas nas casas.

Uma cidade pequena pode ter uma megaigreja: todas as igrejas da cidade reunidas juntas.

A igreja universal, a verdadeira católica (não romana) = a igreja que atravessa os tempos. Uma igreja, um Corpo.

Igreja móvel = Jesus não plantou nenhuma igreja local. Ele tinha uma equipe móvel apostólica. Uma liderança discipulada, comissionada, para servir e cuidar da igreja. Deus está levantando equipes apostólicas hoje: sair e cuidar de outras igrejas, e ajuda-los a se desenvolverem.

Igreja mártir = Apoc 11.7-10 – a igreja é predestinada a sofrer. Isso é uma promessa, como as outras “boas” promessas da “caixinha de promessas”. Deus vai usar a perseguição para nos aperfeiçoar. Mártir (no grego) = testemunha (martírio).

Quando alguém vem para Jesus, ensinamos: ore, leia a Bíblia, testemunhe. Isso é mais do que falar de Jesus, é sofrer por Ele e para Ele, é alguém que vê o juízo de Deus sobre os injustos, é alguém que vê o que Deus irá fazer – eu tenho que falar do que vejo, por isso, sou uma testemunha contra o mal e a favor de Deus.

Igreja Noiva = Efésios 5 – o casamento humano é um mistério, é uma unidade tríplice se amamos Jesus. Somos unidos em nosso casamento em nossas emoções, fisicamente, em nossa relação sexual – essas 3 unidades demonstram a relação que devemos ter com Deus. Um com Cristo = Ele entende nossas emoções. O casamento do Cordeiro é a realidade, o casamento humano é só uma sombra.
Quando somos batizados no E.S., somos batizados em um só Espírito, em um Corpo. Somos uma só alma, um só coração. Sentimos as dores e as alegrias uns dos outros. Precisamos ser batizados muitas e muitas vezes no Corpo. Estamos antecipando o casamento do Cordeiro.

JESUS CONSTRUIU PONTES
Precisamos construir pontes para esta comunidade e para o mundo. Jesus era um construtor de pontes.

Leia a história de João 4 – a mulher samaritana. Os samaritanos viviam na parte mais fértil em Israel. Os judeus ficavam próximos ao templo. Havia ódio entre samaritanos e judeus. Jesus viajou para outra parte do país, mas Ele passou pela terra dos samaritanos. Era uma viagem perigosa. Quando ficou cansado e com sede, os discípulos foram comprar comida, então Ele viu aquela mulher que foi buscar água. Ela foi no meio do dia porque não tinha amigos. O costume era buscar água bem mais cedo ou bem mais tarde.

Jesus atravessou uma divisa religiosa – nessa cidade há divisões que separam os cristãos.

Jesus atravessou uma divisa hierárquica – Ele era Rabi, ela era uma prostituta. Peça ao seu vizinho, por exemplo, para te ajudar em algo.

Jesus atravessou uma divisa racial – a impressão é que não há ódio racial no Brasil, talvez não seja um problema tão grande aqui, mas há pessoas excluídas na sociedade.

Jesus atravessou uma divisa de gênero – Jesus tratou aquela mulher como igual. Era costume dos rabinos judeus dizerem ser melhor jogar as Escrituras na privada do que deixar uma mulher ler as Escrituras.

Jesus atravessou uma divisa moral – ela era pecadora, Jesus era santo. Mas Ele estendeu a mão para ela. O problema de Jesus era com pessoas tomadas de religiosidade. Ele era amigo de publicanos e prostitutas.

Jesus atravessou a divisa entre o céu e a terra – ainda na igreja, pensamos que o céu está lá em cima, e nós aqui na terra. O céu está vindo para a terra. Venha o Teu Reino! Isso vai acontecer! Quando abrimos o coração para essa verdade, manifestamos o Reino.

Somos uma igreja global, não apenas local. Aqui é sua Jerusalém, o que vem a seguir?

Nenhum comentário:

Postar um comentário