segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Leituras em 2013

Comecei 2013 lendo muitos romances e textos acadêmicos, por causa do Mestrado. Listei alguns deles abaixo, os que mais gostei e recomendo. Mas prossigo lendo livros que edificam a minha fé. Também estou lendo a Bíblia toda na versão A Mensagem e faço anotações e comentários na seção Mochileiro da Palavra.

  • Diário da queda / Michel Laub / (Romance) A fatalidade em uma festa de aniversário se transforma em lembranças dolorosas, que remetem à relação do narrador com seu pai e seu avô, um sobrevivente de Auschwitz.

  • O natimorto / Lourenço Mutarelli / (Romance) Um casamento infeliz, a impotência sexual e a obsessão por pureza levam o protagonista a buscar uma mudança de vida radical. A oportunidade surge quando ele encontra uma cantora cuja voz é tão pura que ninguém escuta e inicia com ela um relacionamento feito de carinho e incerteza, sedução e dependência.

  • Passageiro do fim do dia / Rubens Figueiredo / (Romance) Narra a viagem do personagem Pedro do centro de uma cidade grande a um bairro periférico, também uma viagem pessoal.

  • Minha jornada espiritual / John Walker / (Biografia) O testemunho das grandes obras de Deus na vida de John Walker, com lições espirituais para se entender a obra de Deus na igreja no século passado e para ser melhor preparado para os desafios da igreja na reta final antes da volta de Jesus.

  • A comunidade do Rei / Howard Snyder / (Teologia) Uma reflexão sobre a igreja enquanto comunidade e povo de Deus, que proclama o Evangelho do Reino.

  • Descobrindo o dom profético / Mike Bickle / (Teologia) O ministério profético na igreja, sua operação e seus desafios. Esse livro é um testemunho do que Deus pode fazer por meio do dom de profecia.

  • Chacal / Fernanda Medeiros / (Literatura Brasileira) Pesquisa sobre o poeta Chacal, com comentários de alguns de seus poemas.

  • Segredos do lugar secreto / Bob Sorge / (Devocionário) Chaves para inflamar nossos corações a um relacionamento mais íntimo com Cristo.

  • O verdadeiro Evangelho / Paul Washer / (Teologia) Exposição dos pontos fundamentais do Evangelho de Cristo, segundo Romanos 3.23-28, ignorados por boa parte da igreja do século XXI.

  • A grande omissão / Dallas Willard / (Teologia) Uma exortação à igreja quanto a necessidade de discípulos e discipuladores. Não é possível ser cristão sem ser discípulo de Cristo.

  • O que é o Evangelho? / Greg Gilbert / (Teologia) Outro bom livro que oferece uma explicação fiel do Evangelho.

  • Seu destino é o trono / Paul E. Billheimer / (Teologia) A autoridade da igreja através da oração.

Veja também: minhas leituras e sugestões de livros em 2012, 2011, 2010 e 2009

sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

Sou blogueiro há dez anos...

Luciano Motta

Lembro bem quando conheci a ferramenta Blogger e me arrisquei pela primeira vez a produzir uma página na internet. Como bom fuçador, fui desbravando os caminhos desconhecidos do html. Confesso que copiei muitas linhas de programação de outros sites - às vezes funcionava, mas quase sempre dava erro, e eu tinha que me virar para descobrir e consertar os comandos incorretos.

No início, meus únicos leitores eram eu, eu e eu. Ninguém conhecia meu blog. Aliás, em janeiro, fevereiro de 2004, quando comecei a postar, pouca gente aqui pelas bandas de São Gonçalo, cidade onde moro, tinha acesso à rede. E quem tinha acesso, sofria com a conexão discada, ainda contada em quantidade de kbps. Hoje um post lançado em uma rede social pode rapidamente ter grande repercussão e alcançar muitos leitores. Naquela época, porém, era preciso recorrer a grupos de discussão que operavam por e-mail para conseguir alguma projeção.

Ser blogueiro requer perseverança. Muitas vezes vem aquele sentimento de que ninguém se importa com o que você escreve. Então, quando menos se espera, aparece um comentário, ou então alguém lhe diz como foi importante determinada reflexão. É muito legal encontrar pessoas em um congresso ou conferência e saber que elas leem o blog, acompanham os posts e os compartilham com seus amigos e irmãos em Cristo. A recompensa maior é saber que Deus está tocando pessoas através do que escrevemos.

Ainda não tenho a audiência que gostaria - afinal, todo escritor deseja ter público, ou seja, muitos leitores - e ainda não escrevo como gostaria, mas consigo perceber avanços. Agradeço a Deus por poder comunicar a mensagem do Reino através deste simples blog e por tanto tempo. Sou apaixonado por livros e pela escrita. Amo demais minha família e o meu Deus. Por tudo isso, acredito já ter mais do que preciso para ser um escritor ou um blogueiro. Espero continuar nos próximos anos a produzir mais e mais.

Encorajo você a ser também um escritor do Reino. Comece a espalhar seus textos por aí. Então, quando menos esperar, já terão se passado dez anos...